QUEM SOMOS

A história do Instituto Cidadania Italiana começou em novembro de 2016, em Curitiba (PR), cidade onde Renata Bueno, advogada e sócia fundadora da empresa, cresceu e construiu sua vida política. Desde o início, o objetivo sempre foi o de prestar assessoria confiável e de qualidade aos descendentes de italianos que têm interesse em fazer o reconhecimento da cidadania italiana por direito de sangue.

“O Brasil é um dos países que recebeu o maior número de imigrantes italianos, sendo este um dos fatores que levou a criação do Instituto: atender a esta grande população italiana que mora fora da Itália”, conta Renata Bueno. “Queremos democratizar o acesso a esse direito para todos os descendentes que preenchem os requisitos legais”, diz. Segundo o Rapporto Italiani nel Mondo 2020, da Fondazione Migrantes, o Brasil conta com a quarta maior comunidade externa italiana no mundo, com 477.952 ítalo-brasileiros com cidadania já reconhecida, além de mais de 30 milhões de descendentes que ainda não deram início ao processo no país.

O objetivo do Instituto Cidadania Italiana é prestar uma assessoria acessível, agindo de forma ética e confiável, a fim de auxiliar os descendentes de italianos em todas as etapas do processo, desde a busca e conferência dos documentos, montagem do processo e orientação até os procedimentos de tradução e apostilamento.

Em 2021, uma nova sede foi inaugurada, dessa vez em Roma, na Itália. O intuito foi o de melhor atender os clientes nos processos de cidadania italiana, trazendo mais agilidade e integrando o mesmo time em ambos os países. Lá se concentram todos os processos ativos de cidadania via judicial, cuidados com a devida atenção pela equipe do Instituto.

A advogada responsável pelos processos de e pela sede Itália é a advogada internacional e ex-deputada no Parlamento Italiano Renata Bueno, em conjunto com o advogado ítalo-brasileiro Gustavo Messaggi e mais duas advogadas italianas. Além disso, ambas as sedes têm vínculo direto com a Associação dos Profissionais da Cidadania na Itália (A.PRO.CI) e a Câmera de Comércio Italiana (ITALOCAM), obtendo dezenas de benefícios aos clientes, como mais facilidade para localizar informações à respeito de documentação, parcerias profissionais e qualquer outra necessidade eventual dos processos.

Para 2022, o Instituto está focado em ampliar o atendimento via judicial, processo em que o requerente não tem a necessidade de viajar para a Itália. Também por isso, o Instituto tem aperfeiçoado cada vez mais o atendimento online para famílias de todo o Brasil a fim de garantir que o direito à cidadania seja realizado sem a necessidade de gastos com locomoção, de forma segura e prática. “O reconhecimento da cidadania italiana proporciona uma grande e positiva mudança na vida de qualquer cidadão. Por isso, aqui no Instituto Cidadania Italiana trabalhamos para realizar os sonhos de todos os ítalo-descendentes residentes no Brasil”, finaliza Renata Bueno.

Por que nos escolher?

MISSÃO

Prestar assessoria de forma acessível aos descendentes de italianos que pretendem ter o seu direito de cidadania reconhecido.

VISÃO

Ser reconhecido nacionalmente como uma das melhores e mais confiáveis assessorias em processos de reconhecimento de cidadania italiana.

VALORES

Acessibilidade, disponibilidade, ética e confiança.